Anos 80: Brinquedos,Desenhos Animados e muito mais!







De Patricia a 23 de Março de 2010 às 20:48
Que saudades!! Nao é que eu era nascida nesse ano, mas ainda havia cartazes desse genero na minha altura!! :p Tenho saudades do split e dos de laranja!!
Antigamente havia uma variedade maior e muito melhor do que ha hoje.
Acho que a Olá devia recriar alguns gelados antigos :p


Beijo

De Romeu a 14 de Outubro de 2010 às 13:16
Neste ano a minha mãe tinha uma gelataria e eu devorava cornetos como se não houvesse amanhã.
Quanto à ideia de reeditar, neste ano saiu um Corneto mítico com sabor a ... whisky. Creio que hoje seria um bocadinho estranho ver por aí petizes com um belo corneto de whisky na mão, o que vale é que nos anos 80 ninguém se importava com isso, possivelmente ainda nos ofereciam um maço de Ritz de chocolate (para quem não sabe o que é Ritz, era uma marca de cigarros tipo SG Filtro) para acompanhar.
Saudades desse Portugal despreocupado e livre. :)

De buxi a 14 de Outubro de 2010 às 13:28
Ainda ha pouco tempo pensei no cornetto whisky :)

De Romeu a 14 de Outubro de 2010 às 14:14
Agora que me vêm memórias deste tempo, um dos gelados lançados nesse ano viria a ser polémico. Não o Cornetto de Whisky, isto porque até a geração que nos "supervisionava" tinha apreciado belos pequenos-almoços de sopas de cavalo cansado e, no Portugal rural, um pano com aguardente e açúcar pela boca dentro ainda era uma boa forma de adormecer bebés.
Mas polémico creio que 2 anos mais tarde, viria a ser o Upa-Upa, alegadamente porque as "moças mais maduras" a seguir ao "mete o pau no cu e upa, upa!" o usavam para "treinar sexo oral" (não sei onde foram buscar esta ideia, mas educação sexual nos anos 80 resumia-se a fazer vaquinhas para comprar uma Gina ou uma Tânia). Para mim foi um choque, não o motivo da polémica, até porque nem fazia ideia do que era sexo oral, tinha 7 anos na altura, mas porque sumiu do cardápio um gelado que eu gostava.

Facebook
Utilidades
Pesquisar
 
arquivos
2013

2012

2011

2010

2009

2008


blogs SAPO